Isótopo estrôncio-90 e as explosões nucleares

Dentes de leite de crianças foram usados para identificar a presença do isótopo radioativo estrôncio-90 e então medir as consequências dos antigos testes nucleares atmosféricos. A principal fonte do isótopo é o leite.

Com o objetivo de criar um acervo de amostras de dentes uma equipe de pesquisadores iniciou uma campanha de doação de dentre de leite. As crianças doadoras recebiam um simbólico cartão de membro do ‘Operation Tooth Club’ e um bóton no qual estava escrito ‘I gave my tooth to science’ [Dei meu dente pela ciência]. O projeto coletou dentes leite de antes de 1945 e depois, para fazer uma comparação dos níveis de estrôncio-90 nas amostras – totalizando mais de 85.000 amostras.

A histórica coleção ficou sob guarda da Universidade de Washington (EUA) e foi novamente utilizado em estudos recentes, demonstrando um elevado risco ao câncer nos casos de maiores níveis de estrôncio-90.

Comentários

comentários

Escreva uma mensagem