Cubos de dióxido de telúrio

O equipamento do experimento CUORE utiliza 988 cubos de dióxido de telúrio, totalizando mais de 748 quilogramas. Os cubos cristalinos são mantidos em uma temperatura extremamente baixa e fazem parte de um delicado sistema de detecção de ‘decaimento beta duplo sem neutrino’. Até o momento a equipe de cientistas italianos não conseguiu detectar nenhum sinal principal. O laboratório continua com suas atividades, mesmo durante a pandemia. 

Comentários

comentários

Escreva uma mensagem