Nanofios de germânio

nanotecnologia do elemento germânio
Estes nanotubos de germânio foram obtidos por transporte térmico de vapor deste elemento.
Um substrato de silício recoberto com uma camada de 5 nm de espessura de ouro foi colocado próximo a um recipiente que continha pó de germânio, isto em um reator de tubo de quartzo. O crescimento do material foi controlado em temperatura de 800 oC em meio de argônio.

O material foi sintetizado com o objetivo de servir em aprimoramento de tecnologias relacionadas com painéis solares.

Pelo fato do germânio ser compatível com a tecnologia já desenvolvida para o silício, pode ser um aliado na otimização do espectro da luz solar. Sendo a inovação neste caso na produção do material na forma de nanofios.

Para saber mais:
Solution-processed germanium nanowire-positioned Schottky solar cells
Nanoscale Research Letters 2011, 6:287
doi:10.1186/1556-276X-6-287

Imagem em licença Creative Commons (by 2.0).

Texto escrito por Prof. Dr. Luís Roberto Brudna Holzle.

Comentários

comentários

Tags:

Escreva uma mensagem