Malaquita

minera contendo cobre
Malaquita é um mineral do grupo dos carbonatos, um carbonato de cobre hidratado (Cu2(OH)2CO3).
É um minério de cobre que sofreu ação do azinhavre (oxidação do cobre que forma uma camada verde). Formulação do azinhavre:
2 Cu(s) + H2O(g) + CO2 + O2 → Cu(OH)2 + CuCO3(s)

É uma famosa e muito popular pedra semi-preciosa. O nome vem da palavra grega para “malva”, uma erva verde.

Quando encontrado em pedaços grandes, se torna uma pedra preciosa ornamental. É também usado como um minério de cobre e trituradas para fazer um pigmento verde, um pigmento instável, caindo em desuso por artistas quando outros mais estáveis tornaram-se disponíveis.

Um dos exemplos do uso deste tipo de pigmento, é na obra de Sandro Botticelli, conhecida como Wemyss Madonna, no qual análises revelaram o uso de malaquita na coloração do forro da manta.
malaquita no manto da madonna

O troféu da FIFA para a Copa do Mundo de 1974 possui duas camadas de malaquita em sua base.

O principal produtor de malaquita é a República Democrática do Congo

Imagem em licença Creative Commons (by-sa 2.0), via Jimee, Jackie, Tom & Asha.

Texto escrito por Victória Kopp.

Comentários

comentários

Escreva uma mensagem