Hélio, gás asfixiante

cilindro contendo hélio em alta pureza
Inalar hélio, mesmo em pequena quantidade, faz com que a voz torne-se aguda e estridente. Isso acontece porque a velocidade da propagação do som no Hélio é de cerca 3 vezes maior que a propagação do ar atmosférico, por isso a frequência e a velocidade de propagação das cordas vocais são muito maiores que a normal, provocando assim a famosa voz de “Pato Donald”.

Contudo, o que parece ser parecer divertido pode ser extremamente perigoso, pois quando inalado provoca o deslocamento do oxigênio nos pulmões provocando sufocamento; podendo assim causar lesões graves ou até mesmo a morte. Sem falar, que no caso desta imagem, trata-se de um hélio de alta pureza, o que tornaria uma brincadeira, que além de ser perigosa, seria muito cara.

Dado que o He é um gás inerte e muito utilizado em dirigíveis, balões, tanques para mergulhos em grande profundidade, entre outros. O manuseio e o armazenamento deste gás deve ser feito com cautela, mesmo sendo não inflamável, ele poderá se romper sob calor do fogo, portanto, deve-se evitar que a temperatura do cilindro exceda 52º C. Sempre que se for trabalhar com um cilindro de gás, deve-se estar em local com ventilação adequada, evitando a queda do equipamento, e a estocagem deve ser feita separando os cilindros (cheios dos vazios).

Devidamente por não ser um elemento tóxico, ter baixo peso e grande velocidade de difusão, utiliza-se o hélio em mistura com o oxigênio (mistura chamada Heliox) para tratamento da asma, fazendo com que reduza o esforço muscular da respiração. Portanto esta mistura também é utilizada como gás respirável para que os mergulhadores, possam trabalhar em mergulhos a grande profundidade, fazendo com que venham a eliminar o risco de narcose por nitrogênio (embriaguez de profundidade).

Além disso, o hélio constitui-se de 0,000001 % da massa do planeta Terra e 23% da massa do Universo visível. A concentração deste elemento, consiste na atmosfera terrestre em ordem de 5,24ppm em volume, podendo ser encontrado na forma de produtos de desintegração radioativa e também em diversos minerais radioativos que contenham urânio e tório.

Fontes: http://qnesc.sbq.org.br/online/qnesc01/elemento.pdf
http://www.daviddarling.info/encyclopedia/H/helium.html

Imagem em licença Creative Commons (by-sa 2.0), via Beige Alert.

Texto escrito por Roselaine Rocha Trojhan.

Comentários

comentários

Escreva uma mensagem