Filamento de rênio


Filamentos de rênio são utilizados em espectrômetros de massa (utilizado para identificar os diferentes átomos que compõe uma substância), detectores de íons e em alguns tipos de lâmpadas de flash de fotografia.

O rênio possui um elevado ponto de fusão e uma baixa pressão de vapor, ou seja, tem dificuldade em evaporar. Os filamentos de rênio apresentam uma estabilidade mais elevada se o filamento não é operado em vácuo, mas sim em uma atmosfera que contém oxigênio.

A ocorrência do rênio é rara na natureza, sendo encontrado em proporção de 0,2% no minério molibdenita (MoS2), normalmente uma fonte de molibdênio, mas que também pode fornecer certas quantidades de rênio. Além disso o elemento também está presente em alguns minérios que contém cobre, platina e no mineral columbita-tantalita.

Texto escrito por Victória Kopp.

Imagem em licença Creative Commons (by-nc-sa 2.0), via fluor doublet.

Imagem em comemoração à Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.

Comentários

comentários

Tags:

Escreva uma mensagem