Diodo de germânio

componente eletrônico transparente
Como podemos ver na imagem acima, trata-se de um diodo de germânio 1N34. Construído de forma antiga, ele é um dispositivo selado num invólucro de vidro, dentro deste vidro podemos ver um cristal de germânio sendo tocado por um fino fio chamado de “Bigode de Gato”, para que seja estabelecida uma junção detectora.

Estes tipos de diodos eram muito utilizados em rádios antigos para transmitir os sinais de AM e FM. Utilizam-se os diodos de germânio somente em precisão de pequenas quedas de tensão. Os diodos mais usados e fáceis de ser encontrados são o 1N34 e o 1N60, mas existem aqueles que podem ser aproveitados de equipamentos antigos.

Quando há uma passagem da corrente elétrica no diodo, ocorre uma queda de tensão desproporcional a sua intensidade, portanto esta tensão varia em cerca de 0,6 volts em diodos de silício e 0,2 volts em diodos de germânio.

Sendo assim, pode se dizer que mesmo estando polarizados, os diodos só iniciam sua condução quando ultrapassar esses valores de tensão direta, desta maneira que trabalha-se com diodo de germânio em sinais muito pequenos.

Imagem em licença Creative Commons (by-nc-sa), via Collin Mel.

Texto escrito por Roselaine Trojahn.

Comentários

comentários

Escreva uma mensagem